I CINE GEPENSAH – 50 ANOS DO MAIO DE 68 E A AUTONOMIA PROLETÁRIA

O Grupo de Estudos e Pesquisas sobre o Pensamento Social e Político Heterodoxo – GEPENSAH tem a honra de convidar para o seu 1º Cine-Debate, tendo como tema os 50 anos do Maio de 68, com a obra cinematográfica O Fundo do Ar é Vermelho (1977), de Chris Marker. Dividido em 2 partes de cerca de 90 minutos cada, “As mãos frágeis” e “As mãos cortadas”, o documentário apresenta os conflitos sociais e políticos da década de 60 em diversos países. A proposta é afirmar a importância política do fenômeno do Maio de 68, para além do imaginário do senso comum que entende o processo como tendo sido uma revolta de caráter puramente estudantil e intelectual, circunscrito às Universidades de Paris. Pretende-se apresentar o caráter proletário, internacional, autônomo e antiburocrático das lutas das décadas de 1960, que estavam ocorrendo simultaneamente em diversos países e continentes: França, Alemanha, Polônia, Tchecoslováquia, Brasil, México, Chile, etc.

Em cada sessão será realizada uma breve contextualização histórica e da obra (15 minutos), seguida da apresentação do filme (90 minutos), com intervalo (15 minutos), exposição da mesa (60 minutos) e debate (60 minutos).

Local: Auditório do Bloco E – Anexo do Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH).

Datas: 06/06/2018 e 13/06/2018

Horário: 18:00 – 22:00h

Público: Evento aberto à comunidade.

Obs: Com direito a certificado para quem participar das 2 sessões.

GEPENSAH 2018.1 – CURSO DE EXTENSÃO

O Grupo de Estudos e Pesquisas “Mundos do trabalho: pensamento político-social heterodoxo” (GEPENSAH) convida para o curso de extensão do primeiro semestre de 2018:

  • Linha 1 –  Autonomismos Conselhistas:

EXPRESSÕES INSTITUCIONAIS DO MUNDO DO TRABALHO: ANTON PANNEKOEK E O SISTEMA DE CONSELHOS PROLETÁRIOS

1º ENCONTRO: Segunda-feira, 05/03/2018,  das 9:00 às 13:00 horas.Programa

O GEPENSAH informa:

1) Por estar estruturado como atividade de extensão, a participação é aberta para qualquer pessoa – sem necessidade de vínculos acadêmicos ou barreira de escolaridade; 2) Critérios de participação: a) Compromisso de realizar as leituras com antecedência; b) Comparecimento presencial nas sessões semanais; 3) Participante com frequência igual ou superior a 75% fará jus a certificado. LOCAL: LASTRO (sala 301 do bloco D do CFH).

100 anos da Revolução Russa: uma anticomemoração

O Grupo de Pesquisa Mundos do Trabalho: Pensamento político-social heterodoxo (GEPENSAH) realizou o evento 100 anos da Revolução Russa: uma anticomemoração, que contou com conferências de especialistas estudiosos da Revolução Russa, para discutir a natureza social da URSS e promover a crítica da versão oficial acerca de seus resultados políticos, sociais e econômicos. Estruturado para se diferenciar de eventos tradicionais nos quais o culto à personalidade e o monolitismo de pensamento servem de suporte para a perpetuação de mitos, esforçou-se para captar a Revolução Russa com um processo, em seu desenvolvimento e resultados, complexo e problemático de modo a contribuir para a crítica e autocrítica necessárias à compreensão dos problemas do presente. O evento contribuiu para um conhecimento mais aprofundado e diversificado de experiências, movimentos e expressões teóricas que existiram durante o período revolucionário, de modo a reunir um saber sistematizado que sirva de fundamento para subsidiar novas pesquisas nas áreas da Sociologia Política, Ciência Política e História.

PROGRAMAÇÂO:

Local: Auditório do Espaço Físico Integrado – EFI/UFSC

Data: 07/11/2017

Abertura: Prof. Dr. Ricardo Müller (Coordenador do LASTRO/UFSC)

Conferência I (7.11.2017 – 9h)
A Natureza social da URSS: o debate do século XX
Conferencista: Prof. Dr. João Alberto da Costa Pinto (UFG)
Debatedor: Dr. José Carlos Mendonça (GEPENSAH/LASTRO)
Mediador: Prof. Dr. Iraldo Matias (GEPENSAH/LASTRO)

Conferência II (7.11.2017 – 14h)
Alexander Bogdanov e o Proletkult
Conferencista: Dr. Jair Diniz Miguel (IBGE/CE)
Debatedor: Prof. Dr. Iraldo Matias (GEPENSAH/LASTRO)
Mediador: Prof. Drd. Neto Ghizzi (GEPENSAH-UFPR)

 

GEPENSAH 2017.1 – Cursos de Extensão

Durante o semestre 2017.1 estão sendo ofertados os cursos de extensão:

– Linha 1 TRABALHO, AUTONOMIA E FORMAS INSTITUCIONAIS (4ª edição) (36 horas)  PROGRAMAÇÃO

– Linha 1 PENSAMENTO ANTIECOLÓGICO: CRÍTICA DO CAPITALISMO VERDE E DA ECOLOGIA POLÍTICA (36 horas) PROGRAMAÇÃO

– Linha 2 INTRODUÇÃO AO PENSAMENTO E TEORIA ANARQUISTAS (32 horas) PROGRAMAÇÃO

Todos os cursos acontecem em sessões quinzenais.

GEPENSAH 2016.2 oferece dois novos cursos de extensão

Com o aumento da procura pelas temáticas do GEPENSAH neste semestre 2016.2, além do Curso de Extensão Teoria Geral do Imperialismo e o Golpe de 1964 no Brasil pelo pensamento de Mário Pedrosa toda terça-feira das 9 às 13 horas na sala do LASTRO estão sendo ofertados dois novos cursos de extensão:

TRABALHO, AUTONOMIA E FORMAS INSTITUCIONAIS (3ª edição) em Balneário Camboriu e região (36 horas)  Programação

ANARQUISMO, SABERES SUBALTERNOS E INSURGÊNCIAS POPULARES (32 horas) Programação

Ambos os cursos acontecem em sessões quinzenais aos sábados.

Revista Workers of the World n.º 7 – edição especial sobre Oriente Médio

A edição n.º 7 da revista Workers of the World é um número especial construída em torno
do dossiê “Ativismo trabalhista no Oriente Médio e no Norte de África”. O editor convidado responsável por esta edição é Peyman Jafari, pesquisador e professor de política global e estudos sobre o Oriente Médio na Universidade de Amsterdã.
Desejamos boa leitura e solicitamos ampla divulgação.
A revista pode ser descarregada pela página: www.workersoftheworldjournal.wordpress.com

 

Workers of the World
International Journal on Strikes and Social Conflicts
www.workersoftheworldjournal.wordpress.com

Revista Em Debate (RED) publica nova edição (n.11)

A revista Em Debate acaba de publicar seu último número, disponível em
https://periodicos.ufsc.br/index.php/emdebate. Convidamos a navegar no
sumário da revista para acessar os artigos e outros itens de seu interesse.

Em Debate
n. 11 (2014): 1º semestre 2014
Sumário
https://periodicos.ufsc.br/index.php/emdebate/issue/view/2121

Editorial
——–
Editorial (1-3)
Iraldo Matias

Dossiê
——–
A classe por si: Teoria econômica e política em Proudhon e no proudhonismo (4-25)
Andrey Cordeiro Ferreira
A anarquia social: resistência, insurgência e revolução social na teoria de Bakunin (26-46)
Selmo Nascimento da Silva
Meritocracia na Educação e a luta dos trabalhadores contra a precarização (47-67)
Valena Ribeiro Garcia Ramos
A revolta camponesa de Trombas e Formoso e a contribuição da teoria anarquista (68-89)
Leon Martins Carriconde Azevedo
A convergência analítica dos herdeiros de Kautsky e Nozick: crítica às interpretações da direita e da esquerda estatista sobre o Levante de 2013 no Brasil (90-113)
Wallace Santos Moraes

Traduções
——–
Notas para uma crítica do maoísmo – Loren Goldner (114-131)
José Carlos Mendonça

Artigos
——–
O desmonte da universidade: o REUNI como política de Estado no PNE (2014-2024)(132-144)
Alisson Slider do Nascimento de Paula
O cinismo e o capitalismo: ideologia e teoria radical em Slavoj Žižek (145-151)
Rodrigo José Fernandes de Barros
A política nas mídias sociais e as tarefas da esquerda: a revolução se faz no presente (152-163)
Edemilson Paraná,    João Telésforo

________________
Revista EM DEBATE
http://www.periodicos.ufsc.br/index.php/emdebate/index